Quem é ele?

Águas Lindas:
É Rubens Cardoso (Rubão), chefe de gabinete da prefeitura, é o cara que recebe com as duas mãos as demandas da comunidade e as encaminha com a máxima atenção para deixar o cidadão bem atendido. Rubão é gente que faz muito bem seu trabalho, a cidade precisa desse cara.

Fantoche

Águas Lindas:
Quando vejo um candidato, só poder tirar foto, agarrado com outra pessoa, é aprova de que se for eleito, quem vai mandar no mandato é o outro, e que é uma pessoa que não pensa pela própria cabeça. Também é uma prova é um fantoche.

Lula Livre

Águas Lindas:
Uma língua de cobra me falou; “Está marcado para o próximo dia 26 de junho, o julgamento pela terceira turma da suprema corte, um recurso em que tem 90% de chance de abrir as portas do presidio em Curitiba para o paciente Lula ficar livre para fazer seus comícios e falar mal da justiça. Será a prova que o povo terá de que os ministros que devem favores ao petista estão prontos para avacalhar com a justiça”, disse a língua.

O circo chegou

Águas Lindas:
Em período pré-eleitoral, quando um governo não tem serviços para mostrar, arma um circo e mostra as palhaçadas, vale tudo, entrega de título de cidadão, muita conversa fiada. Como não tem cacife para ter a presença da população, retira-se os funcionários públicos de suas funções para garantir os aplausos. Sabendo de tudo isso as donas de casa ficam com cara de palhaça e os políticos com cara de paisagem.

Eleições 2018

Águas Lindas:
Até o dia da eleição, moradores dessa cidade terão de conviver com muita firula, tudo para dar palanque a políticos que não tem credibilidade. Está na pauta, entrega de diplomas, cortes de fita, entrega antecipada de supostas obras, vale até pintar meio fio e anexar como grande obra, tudo será pretexto para comício e viva o circo, cuidado com a escada.

Apesar de tudo, governo demitiu só 118 por corrupção, em 2018

Brasil:
Protegidos pelo instituto da “estabilidade no emprego”, ainda em vigor, os funcionários públicos precisam se esforçar muito para serem demitidos. Ainda assim, nos primeiros quatro meses do ano, o governo federal conseguiu concluir os processos de demissão de 118 por “atos relacionados à corrupção”. O número pode ser considerado modesto, considerando-se tantos escândalos investigados nos últimos anos. Entre janeiro e abril, foram demitidos 183 servidores, 65% deles por corrupção. O recorde é de 2016: 549 demitidos. Em 2017 foram 506.

Liderança comunitária.

Águas Lindas:
Até o mandato do primeiro prefeito (Ordalino Garcia de Melo), a maior riqueza dessa cidade era as lideranças comunitárias, (pessoas dedicadas a ajudar a comunidade). O tempo passou e essa figura está em extinção. Com um número reduzido, uma está se destacando, Carlinhos do SuperMais, mesmo sem ter um mandato, tem dado seu exemplo fazendo o possível. Existem nessa cidade vários vereadores que poderiam fazer sua parte, ao invés disso, a maioria só se locupleta com o cargo e nada mais. 2020 vem aí, é preciso dar oportunidade a quem tem serviços prestados a cidade e os oportunistas devem dizer adeus ao mandato.

Calmaria

Águas Lindas:
Quando o mar está revolto, pode haver acidentes com a embarcação, do mesmo modo, quando chega a calmaria, barcos a vela não sai do lugar. Uma cidade parada é uma desgraça, só as bactérias se movimentam.

Sem ladrão por perto

O programa Globo Repórter descobriu que é absoluta a sensação de segurança de quem vive em Atibaia (SP). Faltou lembrar que o único ladrão das redondezas cumpre pena em cadeia ilustre de Curitiba.